Controle Ambiental nas Alergias Respiratórias

A Rinite Alérgica é uma das doenças mais prevalentes 70% da população apresenta esta doença que se caracteriza por coriza freqüente, entupimento nasal, prurido (coceira) nasal, às vezes sensação de prurido no palato (céu da boca), prurido nos olhos e nos ouvidos, afeta o sono podendo ocasionar despertares noturnos, secura na boca e sialorréia (babação) no travesseiro, pode ocasionar os roncos, enfim a qualidade de vida fica totalmente prejudicada. Quando no trabalho a eficiência diminui, ma escola afeta o aprendizado. O diagnóstico da Rinite alérgica deve ser feito e identificado os agentes causais da alergia. O tratamento deve ser orientado pelo médico alergista e basicamente é feito com medicamentos, imunoterapia e controle ambiental.

O controle Ambiental deve proporcionar ao paciente alérgico um ambiente livre de alérgenos, para isso devemos evitar o acumulo de pó, e de objetos que o acumulem.

ÁCAROS,                                                                SOFÁS;

 ANIMAIS DOMÉSTICOS;                     FUNGOS;VÍRUS

  1. Não varrer a casa mas sim passar um pano úmido ou lavar, não utilizar espanador, pois isto fará com que se levante o pó, apenas trocando o mesmo de lugar.
  2. Não utilizar ventiladores, pois os mesmos levantam o pó.
  3. Aspirador de pó potente de 1000w de potencia, porém se filtro deve ser do tipo filtro HEPA (High Efficiency Particulate Air), que permite captar o contaminante no local onde é gerado e lançá-lo no meio externo, após filtragem com altas eficiências.
  4. Os tecidos de sofá podem manter e se tornar um criadouro de ácaros, os mesmos botam ovos e evacuam em média 40 vezes ao dia, e geralmente as fezes dos ácaros ocasiona dez vezes mais alergia do que a própria carcaça ou corpo do ácaro. Logo o ideal seria um sofá de napa, couríssimo ou couro que pode ser limpo com panos úmidos.
  5. Bichos de pelúcia, os mesmos podem proliferam ácaros e conter poeira, o ideal seria após lavá-lo embrulhá-lo com um saco transparente para visualização e quem sabe até enfeitá-los com laço parta deixar expostos nos armários. O congelamento pode matar os ácaros, mas devem ser lavados pois a carcaça e as fezes estarão ainda presentes no bicho de pelúcia. Melhor mesmo seria não ter os bichos de pelúcia.
  6. Carpete, este sim é um grande vilão para o alérgico, pois juntam muito pó e ácaros, se possível troco o tipo de piso que possa ser lavável.
  7. Pisos de taco juntam muita poeira e de difícil manutenção, não dá para jogar água.
  8. Tapetes devem ser limpos diariamente e lavados semanalmente.
  9. O quarto do paciente alérgico deve conter a menor quantidade possível de objetos, evitando armários, livros, brinquedos, pelúcias, cortinas, tapetes e de preferência piso lavável.
  10. Capas de colchões devem ser utilizadas as que envolvam totalmente o colchão e que sejam fechadas com zíper, existem capas plásticas, de dupla face uma emborrachas e a outra em algodão, outras de napa e outras com tecidos com muitos fios por polegada, enfim tanto as capas de colchões como as de travesseiros devem impedir a passagem dos ácaros de um lado para o outro.As capas de elástico que apenas cobrem o colchão não resolvem, pois os ácaros se proliferam dentro do colchão e evacuam ocasionando contaminação completa do colchão.
  11. As casas que não apresentam forros ocasionam crises de rinite e/ou bronquite, portanto laje, forro de gesso que vede totalmente o teto, são as melhores opções para evitar a entrada de poeira no ambiente.
  12. Evitar a umidade, pois propicia a proliferação de ácaros, ambientes com temperatura superior a 28˚C e umidade elevada permitem a proliferação de ácaros e fungos, logo em tempos de alta umidade relativa do ar o ideal seria o uso de desumidificadores, um desumidificador muito conhecido é o Condicionador de Ar, logo regular a temperatura entre 23 ~ 25˚C, prevenirá a proliferação de ácaros e fungos.
  13. Animais domésticos: Gato, o pelo do gato é um dos que mais ocasiona problemas respiratórios pois as proteínas que ocasionam alergia no ser humano fica viável por até 6 meses nos pelos dos gatos.

    Cão :neste caso a epiderme do cão que ocasiona a alergia, tipo uma “caspa” ocasionaria a alergia, logo se o cão receber cuidados de higiene semanais e se matido fora de casa não haveria problemas já que o cão é o melhor amigo do homem.

  14.  Fumaça de cigarros ocasiona crises de rinite alérgica e desencadeiam crises de asma, fumar dentre de casa nem pensar e fumar em outro cômodo ou mesmo no quintal, não resolve, pois as partículas do tabaco chegam até outras pessoas e vêm no seu cabelo ou corpo desencadeando exacerbações nas rinites ou crises de asma.
  15. O quarto deve ser o mais despojado ou clean o possével, evitando fazer do quarto um depósito de brinquedos ou livros, deve-se evitar tapete, carpet, cortinas.

CONTRÔLE AMBIENTAL CONTRA FUNGOS E ÁCAROS

http://ahref=

 

 Quais são os ácaros que ocasionam alergia respiratória de forma mais frequente?         

Um comentário em “CONTROLE AMBIENTAL

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s