Imunoterapia, para entendermos bem o que vem a ser IMUNOTERAPIA, poderemos primeiro explicar a origem do termo. Imuno vem do termo imunidade, que nos faz lembrar situações como individuo que tem imunidade fiscal ou tributária, ou seja, aquele que sobre ele não se cobram impostos, sim isto mesmo esta livre de ter que pagar impostos, meio utópico, mas este foi um período que certos indivíduos não tinham que pagar impostos, “livre de” impostos. Poderíamos lembrar o termo “imunidade parlamentar” que segundo Darcy Azambuja “denomina-se imunidade parlamentar a prerrogativa que assegura aos membros do parlamento o livre exercício de suas funções, protegendo-os contra processos judiciários tendenciosos ou prisão arbitrária.” Novamente temos “livre de” processos judiciários. E assim vários ou situações onde o termo imunidade vem sendo utilizado com o sentido de “livre de” ou “imune a”, no caso da medicina poderíamos dizer que um indivíduo que já teve catapora ou que já foi vacinado para catapora esta livre de contrair catapora ou imune à catapora, representando uma situação onde exista segurança de que o doença ou situação não ocorra.

O Alergista e Imunopatologista, lida diretamente com a IMUNIDADE do ser humano, estimulando ou redunzindo ou melhor modulando O SISTEMA IMUNOLOGICO,  tornando-o mais ativo ou mesmo regulando o quanto o mesmo deve reagir contra determindos agentes agressores. No caso de um vírus se espera que o sistema imunológico reconheças o vírus com o um agente estranho ao organismo e proceda a construção de uma defesa eficiente e rápido  do organismo contra o vírus. Mas em alhuns casos como  ao ácaro que existe nas maiorias das residências esperamos que o nosso sitema imunológico reconheça como um agente estranho mas que não exagere na defesa contra os mesmos ocasionando uma forte reação inflamatória que chamamos de reação alérgica.

O Alergista esta capacitado a  realizar a IMUNOTERAPIA , onde a palavra terapia significa “tratamento”  e imuno significa IMONOLÓGICO, do sistem de defesa do ser humano. Com a imunoterapia o ALERGISTA  deve após uma minuciosa investigação de causa realizar um controle ambiental, utilizar medicamentos e junto a tudo isso iniciar uma “modulação do sistema inunológico “ no sentindo de controlar a inflamação exagerada do organismo frente a certos alérgenos ou situações resultado no controle da alergia.

Existem vários tipos de alergia desde respiratórias como rinites alérgicas, bronquites alérgicas ou asma, cutâneas como dermatites de contato e dermatites alérgicas alem das urticárias. Todos com várias causas podendo ser isolada ou associadas, dai a arte do alergista em  buscar através de uma investigação minuciosa na histórias, exame físico , testes alérgicos e laboratóriais o diagnóstico. Somente após um diagnóstico de causa poderá propor um tratamento de cura ou controle da doença alérgica.

Outra situação comum é a baixa imunidade onde o ser humano apresenta infecções de forma frequente levando o alergista e imunopatologista a pesquisar as causas da baixa imunidade e então mais uma vez modular o sistema imunológico no sentido de torna-lo masi eficiente no combate dos agentes agressores.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s